Tuesday, March 29, 2005

Sem sono

quero não pensar...
quero não sofrer...
quero não sentir este nó na garganta...
quero não sentir esta dor...
quero não chorar...
quero dormir...

3 Comments:

At 6:27 AM, Anonymous Su said...

Ui..já t vi em melhores noites! Mas noites de insónias são realmente uma verdadeira seca..Analisando repentinamente os teus versos soltos..(mania de gente de estudos portugueses..lol) o verbo "querer" está mtas vezes repetido :) n admira és uma pessoa forte..portanto n t deixes ir abaixo :) * * *

 
At 12:11 PM, Anonymous jessica said...

«pensar» nem sp é mau; as vezes axamos k pensar doi e fugimos pa o vazio, mas pensar faz parte d nos, faz nos ver o k ta errado e o k podemos mudar ou entao simplesmente aceitar, faz nos recordar e recordar e viver (c td o k d bom e mau isso traz).
«sofrer» nc keremos mas mts vezes n temos esse poder, o poder d corrigir o passado mas pl menos temos o poder d mudar o futuro.
n deixes esse «nó» preso «na garganta»...grita o k tens no fundo msm k n pareca, alguem estara la pa ouvir esse grito e pa t ensinar a «cantar».
a «dor» mts vezes ajuda a crescer e a dar valor ao k temos e ao k ns acontece d bom...
«chorar»...n peças pa n chorar pk as lagrimas k kaiem mostram k somos humanos, k temos sentimentos, k vivemos tao intensamente (talvez d mais, kem sabe) e trazem dentro delas um brilho k é so nosso...e kd menos s espera aparece alguem k kom a ternura d kem gosta nos enxuga as lagrimas e nos poe um sorriso nos labios outra vez...
e kd n da mais pa tar acordado e ver o mundo k tantas vezes é cinzento, a vontade d «dormir» é demasiada...dormir pa fugir, pa descansar e sobretd pa sonhar...pk é o sonho k comanda a vida!!!!
***********As vezes so precisamos do sorriso d alguem....e basta olhar a volta k encontramos os sorrisos mais lindos, os sorrisos dakeles a kem chamamos amigos*******

 
At 1:37 PM, Blogger Carol said...

eu so queria ser outra pessoa... pq so isso serve pa me emendar!!! mas um sorriso nos labios tem que resolver as coias, nem que seja para enganar a nossa propria dor... e as vezes para dar força de dar um passo em frente...

***

 

Post a Comment

<< Home